terça-feira, 6 de março de 2012

880 - prelúdio para areia e solidão II


tua distancia me banha de esperas
caminho em ilhas, silêncios
até os espelhos oxidaram
com tanto amargor e maresia

11 comentários:

Luiza Maciel Nogueira disse...

Prelúdio de ilhas na imensidão do mar, o mesmo mar que banha o mundo. E você sempre com a poesia na ponta da língua né?

beijos

Everson Russo disse...

A distancia corrói,,maltrata...abraços de bom dia.

Adriana Godoy disse...

NOSSA, A MARESIA BATEU AQUI. BONITO.

BEIJO

Lara Amaral disse...

Os espelhos que refletem ausência não resistem à maresia.

Lindo, Assis!
Beijo.

dade amorim disse...

Esses são os silêncios indesejados.

Beijo beijo.

Celso Mendes disse...

esperas e compulsões corroem espelhos...

abraço.

MIRZE disse...

MAR e S&A

Beleza de oxidação!

Beijo

Mirze

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!
- Mil e um Poemas -

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.vejablog.com.br/selo

Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................

Ira Buscacio disse...

Calhau toráxico!
Bj

Daniela Delias disse...

Imagina quando se mora tão perto do mar, na dita maior praia do mundo, o tanto que as distâncias e a maresia fazem tudo oxidar rs...

Te beijo,

:)

Jorge Pimenta disse...

há distâncias que se confundem com a espera mas nem todas a merecem...

abraço em suspiro, meu bom amigo-poeta!