quarta-feira, 11 de maio de 2011

580 - Sonata para dois pianos e flautim

Deixa-me assim, menino tolo com teus encantos
Marinheiro tonto em meio às tormentas
Deixa-me assim, regozijo de puro tremor
Mãos que bordam o desalinho da pele
Que nada mais te peço brilho de turmalina
Deixa-me assim, recluso em tuas digitais

14 comentários:

Angélica Lins disse...

Teu teclado alinha o sentimento até mim.

Beijo

MIRZE disse...

Excelente!

Lembrou-me Guimarães Rosa e seu pensamento na barca com o menino.

Bravo!

Beijos

Mirze

Sandra disse...

Soberbo.
Verdadeira música para os sentidos.
Beijinho

Everson Russo disse...

Recluso em tuas digitais do amor...abraços de bom dia.

Luiza Maciel Nogueira disse...

sonata para dois amantes solitários em meio a altas notas de poesia, belíssimo Assis. Você é um poeta nato, é realmente muito bom ler teus versos.

BJs

Celso Mendes disse...

Recluso nas digitais se deixam pistas e marcas...

Figuras com brilho de turmalina!

Abraço!

Úrsula Avner disse...

sonata de tirar o fôlego... Um abraço poeta.

Eder Asa disse...

Fantástico!
Me lembra algo em que escrevi um vez, que tinha um verso que dizia "Jamais sairei do aconchego de seu DNA", algo assim.

Bravo, Assis!
Abraço...

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti meu amigo,,,abraços.

dade amorim disse...

Muito muito musical.

Beijo

Vais disse...

Encantador, Assis,
sonata envolvente

Turmalina, pedra da inspiração, energia, iluminação, desejo profundo, atração...
E o poeta se recolhe nas marcas que ficam para identificação

Sexta, viernes, é um dia mágico, que pode ser de sabores ou dissabores, apreciado ou mais ainda se dá num 13 temido, é um dia e ainda mais a noite de promessas, :) noite de cair na vida, :) e/ou algo mais ou de queimações.

Beijo prati e tudo de bom

Oria Allyahan disse...

Pasional, ã?!

"brilho de turmalina"... adorei!! Adoro a energia das pedras...

^^

Oria Allyahan disse...

* Passional!!!!!

Ingrid disse...

a arder nos teus dedos de poeta..
beijos querido..